Arranjos Florais 

Não há nada que vista melhor um casamento do que as flores. Elas são tão importantes como o vestido de noiva, pois são elas que dão um colorido à sua cerimónia e transportam a energia positiva de que necessita no grande dia. Quer seja pelo seu aroma, pela sua cor ou pelo seu toque de frescura e delicadeza, não pode deixar de contar com estas aliadas oriundas da natureza naquele que será o melhor dia da sua vida. 
As flores podem ser encaradas como talismãs do amor, uma homenagem à alegria e vivacidade com que celebramos o que de mais belo tem a vida. E nada como celebrar com diferentes aromas e cores o amor que une o futuro casal. A variedade de flores que existe no mercado é infinita. Pode ser que já tenha a sua flor preferida pensada desde há muito tempo, mas, se assim não for, convidamo-la a conhecer um pouco mais sobre as 12 flores com que deve contar como aliadas no dia do “Sim, aceito!” 
1. Rosa 
Uma rosa distingue-se sempre pelo seu aroma doce e existem em diferentes cores e feitios. As mais famosas de todas as rosas são as de cor de pêssego. É rara a sua beleza, bem como é das flores mais dispendiosas. Simbolizam o mais profundo amor, a sinceridade e a inocência. São o substituto perfeito para as peónias e florescem com elevado requinte nos seus convites, centros de mesa e grinaldas e, claro, no seu bouquet de noiva. Existe alguma flor mais romântica do que a rosa? 
2. Hortênsia 
Estes pequenos arbustos paisagísticos, muitas vezes, espalham-se pelas peças centrais mais elegantes, sendo uma das flores mais atraentes para adicionar aos arranjos de um casamento. A sua grande coroa e espessura e tons intensos de rosa, azul, bordeaux e roxo representam gratidão, graça, beleza e felicidade. Um talo ou dois é o quanto basta para a ajudar a completar um bouquet elegante, assim como alguns galhos soltos para ornamentar o casaco do noivo e do padrinho. 
3. Peónia 
As peónias são ternas como a emoção do primeiro amor e exuberantes como os sentimentos da paixão. A sua forma arredondada e aveludada incorpora romance, o que as torna um presságio de boa sorte e de um casamento feliz. Assim, não é de estranhar que sejam as flores mais populares entre as noivas quando se trata de escolher o bouquet. Símbolo de felicidade e prosperidade, as peónias produzem um efeito surpreendente em qualquer decoração, tornando-se numa opção verdadeiramente feminina e impactante. Que tal surpreender os seus convidados ao incluí-la no bolo de casamento? 
4. Ranúnculo 
Este híbrido entre a rosa e a peónia é uma das flores mais versáteis no que diz respeito à decoração. Florescem no final do inverno, recheadas de charme. Estão disponíveis em todas as cores do arco-íris e proporcionam a decoração mais elegante que alguma vez já viu, ofuscando a beleza das rosas, dálias e peónias. Representam o charme e a sedução através, um novo ciclo de vida, ideal para celebrar uma nova e apaixonada união.
5. Tulipa 
Embora associada à Holanda, esta flor é, na verdade, oriunda da Pérsia. Representa um amor perfeito e duradouro. Apesar de frágil, é uma flor impressionante e solene, e pode ser cultivada numa ampla gama de cores durante uma grande parte do ano. Já pensou em oferecer ramos de tulipas aos convidados para que o amor continue a crescer em todos os corações? 
6. Cravo 
Esta clássica flor está de volta e está pronta para despertar os seus sentidos. Subtilmente perfumada, embora sua versão vermelha esteja associada à paixão, o cravo rosa simboliza a sinceridade e a honestidade. Além de ser uma opção muito económica, o que a torna perfeita para substituir as rosas e decorar os centros de mesa ou fazer grinaldas, elas são também um símbolo de distinção e de nobreza. A flor mais subestimada do mundo é também uma das mais versáteis. Que tal um photocall com cravos como pano de fundo? Os cravos são mais resistentes do que a maioria das flores e depois de secarem são uma belíssima lembrança de casamento. 
7. Alfazema 
O tom roxo suave e romântico da alfazema faz as maravilhas de qualquer combinação de flores. De caráter simples e humilde, a alfazema é conhecida como a deusa do ar, pelo aroma perfumado que liberta. Preste atenção a esta flor se escolheu o tema rústico para o seu casamento. A alfazema cada vez mais tem ganho destaque nos casamentos. Pode usá-la na decoração, nos centros de mesa, incluí-la nas limonadas, nas velas, e criar agradáveis lembranças perfumadas para os seus convidados. Depois de seca, use-a para perfumar o álbum de fotos o os seus livros favoritos. 
8. Astilbe
Nativa da China e do Japão, a astilbe é uma planta de chão que é geralmente usada para cobrir de cor os gigantes jardins. Esta flor possui umas penas macias e delicadas, que não são apenas bonitas e femininas, mas também económicas. Diferente e sofisticada, talvez seja uma das plantas mais românticas que pode adotar para o seu casamento. Bonitas e suaves, fazem as delícias de todos quando balançam ao vento. Por parecerem ter sido desenhadas pelos anjos, ficam perfeitas em qualquer bouquet. 
9. Mimosa 
Pode ser a primeira vez que ouve falar dela, mas certamente reconhecerá os seus pompons, sinais de sensibilidade, elegância e ternura. Esta flor representa a amizade, o que faz com que seja impossível resistir ao seu encanto natural. Adicione um elemento vibrante e rústico à decoração do espaço com estes galhos cheios de alegria. Como? Coloque-os numa jarra, ou uma garrafa transparente, e encha de vitalidade qualquer canto da sua festa. 
10. Margaridas 
Quantas margaridas desfolhámos sonhando acordadas, como o verdadeiro amor que nelas está representado? As margaridas são energia pura, alegria feita de flores. Tê-las dispersas pelo local do casamento e da festa dará um toque especial ao espaço de qualquer casamento rústico ou vintage. Use do seu otimismo, simplicidade e inocência e combine-as com limões, caixas de madeira, entre outros, e faça desta flor uma inesperada rainha do romantismo. 
11. Protea 
Se gosta das flores exóticas, que saiam do comum, vai adorar esta espécie. O seu valor ornamental é inegável pelo seu tamanho, a sua cor singular e claro, a sua forma particular. O período em que florescem é na primavera, mas pode encontrá-las durante a época quente do ano. Ao ser uma flor exótica necessita de estar num ambiente quente, por isso recomendamo-las para casamentos de inverno. 
12. Antúrio 
Uma das características mais especiais desta planta é o seu aspeto incomparável. Tem umas folhas em forma de coração, que acabam em ponta e que as tornam realmente chamativas. Todas as antúrio têm à sua volta folhas de um verde intenso. Esta planta é originária das selvas de Guatemala e da Costa Rica onde crescem em lugares muito sombreados. Uma espécie para noivas atrevidas que procuram um toque diferente e especial para o seu casamento. E, ainda que sejam plantas exóticas que provêm da selva, não só farão que os casamentos de primavera e verão brilhem, como também darão um toque especial aos casamentos de outono e inverno.

        Faça a escolha certa: como escolher as flores do casamento em 5 passos 

As flores são um elemento fundamental em qualquer evento, especialmente quando se trata de um casamento. Escolher as plantas, flores, árvores, vasos e todo tipo de arranjos florais que vão fazer parte de cada um dos cenários e recantos do vosso grande dia é extremamente importante para criar o ambiente perfeito para celebrar a felicidade e o amor. Por isso, na altura de escolher as flores para a decoração do seu casamento, não deixe de considerar o seu gosto pessoal, a época do ano – já que de maio a junho a maior parte das flores estão mais caras, o local da festa e da cerimónia (caso seja no exterior, o melhor é mesmo escolher flores mais resistentes) – e o horário de casamento. Escolha flores mais marcantes, como as rosas, para um casamento à noite. Já as flores mais pequenas e com tons de pastel são mais indicadas para celebrações durante o dia.
Passo 1.
 Ter em conta a época do ano Primavera 
É a época do ano em que a paisagem nos apresenta cenários naturalmente coloridos. A grande variedade de flores nesta época, permite a que possas utilizar na decoração do teu casamento uma mistura de várias espécies, originando arranjos originais e muito coloridos. Flores da primavera: - Rosas (todo o ano) - Lírios - Girassóis - Gipsofila - Narcisos - Túlipas - Petúnias Verão: O verão é a época do ano em que mais casamentos se realizam. Nesta época, vamos por seu turno precisar de flores que aguentem as altas temperaturas que temos no nosso país e que se mantenham frescas e bonitas durante todo o dia. Flores mais sensíveis como o lírio e o jasmim por exemplo são alguns dos exemplos de flores que não aguentam a exposição a este calor, por várias horas e que por isso não devem ser utilizadas no verão. Algumas das mais típicas desta época são os jasmins, os lilases, as gardénias ou magnólias, entre muitas outras. Flores do Verão: - Jasmin - Liláses - Gardénia - Magnólia -Orquídea - Suculentas - Peónias Brancas & Rosa - Hortênsias - Papoila - Flores do campo - Alecrim Outono: O outono traz-nos toda a uma atmosfera de romantismo, o que faz com que alguns casais já procurem esta estação para a realização da cerimónia de casamento. No ambiente outonal predominam os tons amarelados, castanhos e laranjas. Tendencialmente, nas cerimónias realizadas nesta época do ano surgem lindíssimos arranjos florais com galhos e flores secas, que aliados entre si criam na sua cerimónia um ambiente de charme e originalidade verdadeiramente irresistível. Nesta estação do ano, as flores ideais para a decoração do seu casamento são os crisântemos, as dálias, os jarros, a flor áster (conhecida como “flor estrela”) ou urze, que utilizada como um arbusto torna-se muito elegante e dá cor ao ambiente onde o colocar.
Flores do Outono - Crisântemos - Dálias - Jarros - Flor de áster - Hibiscos - Amores perfeitos - Plantas com bagas - Perpétuas - Túlipas - Camélias
Orquídeas
- Flor de cera - Lírios Inverno: Esta é a época do ano em que menos cerimónias de casamento se realizam. As baixas temperaturas e as características climáticas da estação, não inspiram os noivos à escolha da estação. O que não é de todo mau, visto que graças a estes fatores, também dispomos de um reduzido número de variedade floral, recorrendo-se por isso na maioria das decorações à utilização de folhagens e flores plantadas ou eventualmente secas ou preservadas, uma tendência cada vez mais marcante no mundo da decoração floral. Flores de Inverno: - Camélias - Túlipas - Orquídeas - Lisiantos - Cravos  - Lírios
Adaptar a escolha das flores ao tipo de celebração A decoração do local da cerimónia é a carta de apresentação da festa do casamento, pois dará pistas de como será a decoração e o estilo do resto do evento, que geralmente segue a mesma linha. No entanto, a mesma também será determinada pelo tipo de celebração que irá ter. Na decoração de casamentos religiosos as escolhas recaem geralmente em flores mais clássicas. Por seu turno, o estilo arquitetónico da igreja ou templo onde irá decorrer pode condicionar o estilo. Para as igrejas românicas serão perfeitas as flores com formas arredondadas, pois são mais doces e românticas, para além de conferirem muita elegância. Exemplos: rosas ou hortênsias.
Nas igrejas góticas funcionam muito bem os arranjos florais mais alongados. As flores de espiga, como os gladíolos ou tubérculos são excelentes escolhas para a decoração, que pode combinar com flores como o lírio e a gerbera.
Nas igrejas mais modernas os arranjos podem ser mais lineares e em forma de L. As flores mais indicadas, neste caso, são o allium (plantas bulbosas), anthourium, liatrix e folhas verdes grandes.
Apesar do tipo de igreja ser um ponto diferenciador, há uma decoração que se adequa a todos os estilos: as grinaldas com flores como margaridas ou paniculata. Em termos de cores, geralmente utiliza-se o branco, a mais elegante e fina, que também é a cor das noivas. Para os casais mais atrevidos, as formações em forma de globos adaptam-se na perfeição. Entretanto, dizemos-lhe também como deverá fazer a distribuição das flores na igreja: o centro, em frente ao altar, deverá ser marcado com uma decoração maior, já que será o espaço mais fotografado. Na área mais elevada, no altar, pode-se distribuir outros arranjos e ornamentos em forma simétrica, que possam ser vistos de qualquer perspetiva.  A decoração floral nos casamentos civis pode diferenciar-se segundo o local escolhido, sendo que a tendência dos últimos anos é o aumento de protagonismo das flores neste tipo de celebrações. Para a escolha certa, o primeiro fator a ter em conta é a hora em que se irá celebrar o casamento.  No caso dos casamentos realizados de dia, pela manhã, será perfeito se colocar um centro na mesa onde se sentam os noivos, sobretudo se a celebração decorrer no interior de um espaço fechado. Para o exterior, ficam maravilhosos os arcos de flores, que enquadram a cerimónia. á no caso dos casamentos realizados à noite pode acrescentar um dos elementos diferenciadores: as velas. São fantásticas para criar um clima único e um ambiente muito mais acolhedor. Considerar o local da celebração Outro dos fatores a ter em conta na hora de escolher as flores do seu casamento é o lugar onde se irá celebrar quer a cerimónia, como o banquete. As opções não são as mesmas se for fazer um casamento ar livre num espaço natural ou hotel ou restaurante fechado no centro da cidade. Se vai casar num espaço aberto, pode decorá-lo com flores e plantas silvestres ou escolher aquelas que combinem melhor com o ambiente, a cor das paredes do lugar ou as árvores que crescem na zona. Se vai casar num local fechado, deve observar que tipo de decoração o espaço oferece e que cores podem combinar com o salão. Para criar uma harmonia entre todos os elementos é preferível escolher um ambiente dominante que se destaque do resto e outros dois ou três da mesma gama.   Não esquecer os espaços e recantos Toda a decoração floral deve estar em sintonia, tendo também em conta os espaços que acolherão essas flores. Geralmente, existem duas zonas distintas que é preciso decorar: o espaço do cocktail e o salão ou lugar do banquete. Na decoração do cocktail  é preciso ter em conta se o mesmo se realiza durante o dia ou de noite, assim como se decorre num ambiente exterior ou interior. Para um casamento de dia, a decoração escolhe-se de acordo com o gosto do casal, que podem decorar recantos no jardim, optar por uma linha de flores semelhantes ao resto do casamento e cerimónia. Se o casamento é de noite, o protagonismo da decoração é da iluminação (velas, grinaldas de luzes…) Em relação à decoração da sala, é fundamental escolher os centros de mesa que fazem de cada casamento um evento único e diferente. Se preferir algo mais clássico, deverá optar por centros pequenos e redondos, apesar de nos últimos anos a tendência serem os centros altos, os centros de flores assimétricos e as grinaldas naturais dispostas ao longo das mesas imperiais.  Quer sejam os noivos os encarregados da decoração do casamento, quer seja um wedding planner, é fundamental que os noivos pensem previamente qual o tipo de decoração floral que pretendem. Idealmente, os noivos e o wedding planner devem ir ao local onde se vai realizar a cerimónia e o copo de água com o objetivo concreto de poderem visualizar como tudo poderá ficar. Mais importante ainda é fazerem a encomenda das flores com antecedência e sem pressas, para que não hajam imprevistos na encomenda das flores e estas estejam bem frescas no dia do evento.   É também imprescindível que os noivos estimem bem qual o orçamento que irão destinar às flores do casamento, uma vez que as flores tem custos bem diferentes, e algumas delas poderão enaltecer grandemente a cerimónia mas também encarecer os custos da mesma. E você, já escolheu o tipo de casamento e de flores que pretende para o seu casamento?